sábado, 31 de dezembro de 2016

Os melhores filmes de 2016


Como disse no post sobre os piores filmes de 2016, esse ano horroroso foi de certa forma salvo pelo cinema. Apesar de termos perdido alguns diretores, atores e atrizes inesquecíveis, o circuito cinematográfico brasileiro trouxe muitas estreias de qualidade, que tornaram ingrata a tarefa de selecionar apenas 10 como os melhores filmes do ano. E, na verdade, meu número 1 sequer estreou nos cinemas, sendo exibido apenas na TV fechada no país (e, por isso, ele entra aqui na categoria hors-concours). Mas, feito o esforço, esses foram os escolhidos no fim das contas:  


Hors-concours: O.J.: Made in America, de Ezra Edelman



10- Elle, de Paul Verhoeven



9- O Cavalo de Turim, de Béla Tarr e Ágnes Hranitsky



8- Boi Neon, de Gabriel Mascaro



7- O Filho de Saul, de Laszlò Nemes



6- Os Oito Odiados, de Quentin Tarantino



5- Visita ou Memórias e Confissões, de Manoel de Oliveira



4- As Montanhas se Separam, de Jia Zhangke



3- Sieranevada, de Cristi Puiu



2- Carol, de Todd Haynes


1- Aquarius, de Kleber Mendonça Filho



Nenhum comentário: